Smart leads: o que são e 3 dicas para atraí-los para a sua empresa

Você já ouviu falar sobre smart leads? Sabe qual a importância desse fator no seu negócio? Pois bem, esse conceito anda muito difundido no mercado digital e representa uma forma importante de prospecção de potenciais clientes. Existem projetos de inteligência comercial detalhados com todas as etapas para atrair e reter esses leads.

Dessa forma, preparamos um material completo com todas as informações sobre os smart leads e dicas de como atraí-los para a sua empresa. Vai perder essa oportunidade de ampliar o seu conhecimento sobre o tema? Veja o post logo a seguir!

O que são smart leads?

Smart leads são aqueles clientes que preenchem todos os requisitos para a formatação do cliente ideal ao seu negócio. Ou seja, é o tipo de consumidor ao qual o seu empreendimento consegue oferecer a solução ideal e adequada para as demandas, de modo a resolver todas as dores e os problemas que ele pode enfrentar.

Para colocar isso em prática, é preciso ter um detalhamento sobre qual o seu cliente ideal e acerca de como a sua empresa pode ajudá-lo. É necessária a definição do Ideal Customer Profile (ICP) para dar sequência aos projetos de captação e de adoção do discurso de negociação.

Agora que você já conhece um pouco mais sobre esse conceito de vendas, vamos listar as dicas para conseguir atraí-los e, principalmente, retê-los no seu negócio!

1. Alie a prospecção passiva e a ativa

No mercado B2B, é comum haver dúvidas sobre qual a melhor estratégia de prospecção: passiva ou ativa. Pois bem, é preciso analisar esse fator por meio de um olhar complementar. Não importa tentar estratificar qual é o melhor ou o pior.

É preciso trabalhar com o Inbound e com o Outbound de forma conjunta para abordar o potencial cliente de maneira mais efetiva. Um exemplo seria nos casos de ampliação da presença do seu produto no mercado digital — como no Google. Além disso, estratégias de marketing podem ser adotadas em canais físicos para gerar mais visibilidade à mercadoria.

A prospecção ativa ajuda a captar clientes que não conheciam a empresa e traz uma maior previsibilidade de receita, já que a organização não fica refém somente de leads que já são familiarizados com o negócio.

2. Invista em ferramentas de segmentação

Como já foi dito, o smart lead é um potencial cliente típico. Então, é preciso que existam ferramentas de segmentação que permitam captar os leads e separar, organizar e analisar os leads que serão oportunos para a empresa. Isso evita potenciais gargalos no funil e torna a jornada de compra mais fluida e eficiente.

3. Estruture um bom fluxo de cadência

É preciso também que exista uma inteligência comercial nos processos de vendas para que haja uma boa cadência. Desse modo, os softwares otimizam cada etapa desse processo e possibilitam o levantamento de dados do Ideal Customer Profile (ICP) e ajudam na análise desses dados para coletar os smart leads.

Assim, a empresa pode levantar informações importantes e preparar o time comercial para ter uma previsibilidade de conversões de vendas e captações de clientes fiéis. Tudo isso gera um ambiente de produtividade e de aumento nas receitas comerciais como um todo.

A Vórtice atua no mercado de softwares (CRM) e de B.I. e o principal diferencial é o pioneirismo na integração de ambos, além de uma customização dos softwares de acordo com a necessidade dos clientes.

Na sua estratégia empresarial, é preciso que haja parceiros de sucesso e com experiência na captação de leads e na customização das ações de acordo com as suas necessidades. Converse agora mesmo com um de nossos consultores e descubra como podemos ajudar na aquisição de smart leads. Boas vendas!

campanhas de marketing

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.